ElePHPant (Eu tenho um desses! :D)

PHP 5.4 – Servidor interno

Uma das funcionalidades implementadas do PHP 5.4 é o servidor interno, que permite que você teste e desenvolva sites localmente sem a necessidade de servidores como Apache ou Nginx.

Este é um recurso que eu já havia visto em linguagens como Python e Ruby, mas (até onde eu sei) nunca haviam criado algo do tipo para PHP.

A sintaxe padrão do comando é a seguinte:

Então se quisermos abrir um servidor na porta 8080 local, seria assim:

Esse comando vai abrir um servidor com raíz na pasta atual, então você pode executar um site/script que esteja em qualquer lugar da sua máquina, e não apenas dentro da raíz pré-definida como acontecia com o Apache ou Nginx.

Arquivo de entrada e rotas (ou entry-point)

Esse servidor embutido do PHP não suporta aquivos .htaccess, então você precisará trabalhar a reescrita de URL através de um arquivo comumente chamado de entry-point:

Isso fará com que todas as requisições sejam redirecionadas para o arquivo index.php (na pasta onde o comando foi executado), e dentro desse arquivo você faz o controle/redirecionamento da requisição, por exemplo:

Espero que vocês tenham gostado (e façam um bom uso) dessa nova funcionalidade que o PHP 5.4 nos trouxe. :)

Não se esqueça de ler a documentação oficial: http://php.net/manual/features.commandline.webserver.php

Não use em produção!

This web server is designed for developmental purposes only, and should not be used in production.

Este servidor foi projeto apenas para desenvolvimento, e não deve ser usado em produção.

PHP 5.4.6

Atenção: Este artigo foi escrito baseado na versão 5.4.6 do PHP, em versões futuras esse comportamento pode mudar.

8 thoughts on “PHP 5.4 – Servidor interno

  1. Pingback: Instalando PHP 5.4 com Homebrew no OS X | Thiago Belem / Blog

  2. Brayan

    Chegou a usar o php 5.4 com o phpmailer 5.2.2? Não encontrei nada falando sobre estes 2 juntos, estou com um inconveniente aqui e acredito que seja incompatibilidade dos 2

  3. Pingback: Nós precisamos de padrões | PHP Maranhão

  4. Pingback: PHP: Sim, nós precisamos de padrões! | Thiago Belem / Blog

  5. Pingback: PHP 5.4 – Servidor interno | Leonardo Cotta

Comments are closed.